Dicas para escrever uma carta de despedida aos colegas de trabalho

Foco, bom-senso e educação ajudam na produção de um bom texto

É bom escrever uma carta de despedida aos colegas de trabalho quando você deixe a empresa

Há cerca de 20 anos atrás, era muito comum conhecer funcionários que trabalhavam há dez, quinze anos na mesma empresa e nem pensavam em sair dela, tanto por estabilidade como por conformidade. Mas os tempos mudaram, o mercado de trabalho ficou mais competitivo –e instável – e, atualmente, a maioria das pessoas nem consegue se imaginar trabalhando no mesmo lugar por mais do que cinco anos.

Graças a esse novo panorama econômico, as cartas de despedida tornaram-se itens comuns – quase obrigatórios- para quem está saindo da empresa.

Algumas dicas podem ajudar no momento da construção da carta para evitar que o que deveria ser uma despedida cortês se torne um desnecessário desfile de puxa-saquismo ou lavação de roupa suja, pois o mundo dá voltas e pode ser que em algum momento da vida você tenha que bater na porta de entrada da empresa que está deixando:

  • Em primeiro lugar é necessário definir qual intenção te move para escrever a carta: deseja apenas comunicar formalmente o seu desligamento da empresa ou pretende fazer um texto mais emocional, agradecendo pela ajuda e convívio dos colegas?
  • A carta será endereçada para toda a empresa, a área em que trabalha ou apenas ao seu núcleo de colegas mais próximos? Se a organização não for muito grande e você conhecer a maioria dos membros (mesmo que apenas pelo nome) é recomendável que ela seja enviada a todos. Porém, se for uma instituição de grande porte, mande um texto geral aos colegas da mesma área que a sua e, se achar que é o caso, envie mensagens especiais às pessoas com quem você manteve um contato mais próximo.
  • A decisão de explicar o motivo da saída é uma decisão pessoal. Caso não se sinta confortável sobre o tema, inicie a carta dizendo apenas que está se desligando da empresa e já comece a agradecer pela ajuda recebida e pelo período de convivência.
  • Bom português é fundamental: essa será a sua última mensagem enviada para a maioria dos colegas, então deixar uma boa impressão é essencial. Ao terminar a carta, revise-a quantas vezes achar necessário e se mesmo assim não se sentir seguro, envie-a para um colega mais próximo que tenha familiaridade com a língua portuguesa.
  • É fundamental sair da empresa deixando uma porta aberta, pois é cada vez mais comum ver funcionários atuando em organizações onde já haviam trabalhado. Nessa hora esqueça todos os ressentimentos e desavenças que possam ter ocorrido durante o período em que esteve empregado, agradeça pela ajuda recebida, deseje sorte e sucesso para os que ficam e coloque algum contato pessoal (telefone ou e-mail) na carta, para fortalecer o networking.
Leia novas dicas para escrever uma carta de despedida da empresa neste blog.

Foto: Dragom.im na Wikimedia Commons

Aqui va el codigo

3 Comentários paraDicas para escrever uma carta de despedida aos colegas de trabalho

  1. lucimar disse:

    acabei de ser dispensada da empresa onde trabalho gostaria de enviar uma carta de agradecimento aos clientes.

  2. caraiovei disse:

    clientes,vão tudo se fuder

  3. Raquel disse:

    É muito importante ter um modelo de carta de despedida aos colegas de trabalho, mas também acho que se você exisistido, como no meu caso, uma relação de trabalho de 30 anos em uma empresa, além de o modelo de carta que nos é fornecida, não para adicionar comentários pessoais aos colegas com quem se juntou a uma relação especial e até mesmo agradecer momentos auyuda.


Deixe uma resposta

*