Home Estágios Estagiando com qualidade

Estagiando com qualidade

4 min read
0
Estágio de qualidade
Estágio de qualidade
O estágio é uma das grandes conquistas de quem está no ensino superior, pois é a oportunidade de entrar em contato com a futura profissão e aprender de uma maneira que a vida acadêmica nunca poderá ensinar.

Mas para que essa experiência seja de fato enriquecedora, é necessário que o estagiário procure empresas que possibilitem seu crescimento.  E como fazer isso?

Aprendizado: durante a entrevista, pergunte diretamente quais serão suas atribuições no período de estágio e em quais áreas do seu curso você terá contato. Isso é importante para que você não crie falsas expectativas sobre o que vai aprender durante o tempo em que trabalhar no local.

Técnica: ao ser aceito na empresa e começar o trabalho, observe as pessoas ao seu redor e veja o que pode aprender com elas. Existem alguns aspectos, como contatos, ferramentas e “dicas” que você só tem acesso quando já está inserido na área e ter alguém “te conduzindo” por eles facilita bastante a vida.

Sem falar nas experiências vividas por outros que podem contribuir muito para o seu desempenho: tente ouvir sempre aquelas pessoas que você acha que são muito boas naquilo que fazem quando elas estiverem falando sobre trabalho. Seus relatos sempre valerão à pena.

Cursos: não é prática da maioria das empresas ceder cursos externos para os estagiários. Mas já é um grande passo que elas te deixem participar nos que forem realizados nas dependências do local de trabalho. Se mostre interessado, diga para seu chefe que deseja se aprimorar cada vez mais e tente participar dos seminários internos.

Também pergunte aos funcionários com idade próxima a sua quais cursos eles recomendam pra quem está começando na vida corporativa. Toda a ajuda possível para começar com o pé direito é mais do que bem-vinda!

Clima organizacional: essa dica vale tanto para o estágio como para qualquer fase da vida. Ao entrar na empresa, passeie pelos corredores, pare para tomar um cafezinho e “circule” por aí, procurando “captar” como é o ambiente de trabalho em geral: mais cooperativo, extremamente competitivo, comunitário ou cheio de “panelinhas” etc.

Você sempre tem mais chances de crescer em um lugar que possua uma cultura compatível com a sua personalidade. Tentar se adaptar excessivamente a um ambiente que não tenha “nada a ver” com você só irá trazer frustração.

Foto: concurseiro-ro.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Quer se tornar um trabalhador temporário?

Mesmo que adotado por um número pequeno de pessoas no Brasil, o trabalho temporário é uma …