Home Formação Inglês no mercado de trabalho

Inglês no mercado de trabalho

4 min read
0
Inglês no mercado de trabalho
Importância do Inglês no trabalho

O Inglês, hoje em dia, é a peça fundamental para o bom relacionamento entre as pessoas, povos e nações. Considerado como a língua universal, é falado oficialmente em mais de 55 países, sendo mais conhecido por falarem nos Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Austrália, Irlanda e Nova Zelândia. Por estes, e mais alguns fatores, é o idioma que o mundo dos negócios mais necessita ultimamente.

Passar anos estudando e fazendo cursos de Inglês sem que tenha uma prática diária, é realmente difícil de chegar à fluência. Mas falar somente o básico ou intermediário não é o suficiente para a maioria das empresas, já que o inglês é universal. Deveríamos nos comunicar tão bem em inglês quanto em português.

Às vezes surge o interesse em aprender outro idioma, como: Espanhol, Francês ou Italiano, só que primeiramente deve-se focar no Inglês, e falá-lo com destreza e facilidade, pois, na maioria dos lugares que você vá, alguém obviamente falará Inglês, como também, dentro de muitas empresas. Assim a comunicação fica mais fácil e clara.

Após ter domínio dessa língua, é importantíssimo que busque aprender outras (como as citadas anteriormente), ou já ir estudando juntamente com o Inglês, pois assim, você não terá no currículo apenas o que é básico atualmente, e sim, um diferencial em relação aos outros candidatos ou colegas.

Não só empresas que trabalham com comércio exterior, relações internacionais ou atuam no âmbito mundial exigem o Inglês como algo básico no currículo do profissional; mas como também, pequenas e médias empresas que trabalham, por exemplo, só em uma cidade (sem manter relações com outros países), pois elas diariamente recebem e atendem turistas vindos dos diversos lugares do globo.

Para quem trabalha – ou deseja ingressar – no ramo do turismo, é de suma importância dominar o Inglês para bem atender aos turistas, e fazer algumas especializações em Inglês hoteleiro, por exemplo. Já para quem é do ‘business world’, existem diversas especializações em Inglês para negócios, gestão e administração. Essas são algumas dicas para se sair bem, pois além de falar fluentemente Inglês, você terá uma (ou mais) especializações na sua área.

Busque a fluência em Inglês, pois ela te dará uma visão mais aberta do mundo. Com ele você se comunica claramente com a maioria dos países. Mas não deixe de estudar outros idiomas, por que cada país ou pessoa que você negociar se sentirá mais confortável com alguém falando na sua língua de origem, e assim os acordos serão mais bem sucedidos.

Foto: inglesonlinegratiss.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Seja um líder

Primeiramente, deve-se saber bem a diferença que há entre um chefe e um líder: o chefe, é …