Home Primeiro emprego Jovem-adolescente, como fazer um plano de carreira?

Jovem-adolescente, como fazer um plano de carreira?

4 min read
1
Aprenda a fazer um plano de carreira para jovens e adolescentes.

O índice populacional de jovens-adolescentes brasileiros só aumenta. Com o Brasil declarando sua força econômica diariamente nos jornais, mais jovens ficam preocupados com o futuro profissional. Será que o país vai continuar celebrando o milagre econômico do início deste século daqui a alguns anos? O bem-estudado sabe que o país constantemente entra e sai de crises financeiras. Por isso, para você, jovem-adolescente, não fique parado e confira algumas dicas de como fazer um plano de carreira e chegar bem preparado no mercado de trabalho (que a cada dia está mais disputado) quando atingir a maturidade:

  • O trabalho infantil é proibido no Brasil para menores de 18-16 anos, exceto nos casos de aprendizes ou de estagiários. O contrato de trabalho deve ser elaborado conforme as regras do Artigo 28, CLT, Norma Constitucional revisada com a Lei 11.180/2005. Nelas, o empregador é obrigado a conceder bolsa-estudo, 6 horas de trabalho diário, gozo de férias escolares com trabalhistas, além de outros benefícios exclusivos. Existem muitos métodos para conquistar vagas deste gênero, normalmente elas são disponibilizadas pelo Estado (Concurso Público), Bancos, Hipermercados, entre outras grandes instituições, particulares ou públicas.
  • Procure realizar cursos técnicos profissionalizantes ou de línguas estrangeiras. Procure trabalhos informais para arrecadar mais dinheiro e investir nos estudos, entenda que futuramente este será o diferencial do currículo que todo empregador busca. Quanto mais cursos e trabalhos, informais ou formais, o jovem tiver feito quando atingir dezoito anos, maior a chance de conquistar um emprego formal de qualidade.
  • Realize testes vocacionais a partir do início do ensino médio. Comece a estudar, fazer anotações e entender melhor o seu próprio perfil profissional. Depois de muitos rabiscos avalie os mesmos refletindo sobre qual é o seu objetivo. Estude e compreenda se você possui as aptidões necessárias para o desenvolvimento da profissão. E não se esqueça de pesquisar na internet como está o mercado de trabalho da carreira detectada, se existem muitas vagas distribuídas. Organize e tenha os objetivos bem definidos – principal marca de um profissional com excelente perspectiva futura.
  • Leia o máximo de livros clássicos recomendados, conforme ficamos mais adultos menos tempo temos para leituras diversas. As obras clássicas são essenciais para desenvolver o raciocínio e aprender a usar à norma culta da linguagem de forma divertida. Norma esta extremamente requerida para o preenchimento da maioria das vagas dos grandes cargos profissionais.

Foto: Yo, adolescente: Memorias de mis 16 no Flickr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…