Home Entrevista de emprego Modalidades da entrevista de emprego

Modalidades da entrevista de emprego

4 min read
0
Conheça as modalidades da entrevista de emprego
Conheça as modalidades da entrevista de emprego

Com o mundo globalizado existem inúmeros autores de trabalhos relacionados com recrutamento de trabalhadores. Selecionadores podem aplicar diferentes testes seletivos com o intuito de medir personalidade ou capacidade produtiva. Candidatos precisam estar minimamente preparados para todas as situações que podem ocorrer no processo seletivo. Neste artigo: Modalidades contemporâneas da entrevista de emprego.

Teste de Personalidade: Caráter ou temperamento determinam a personalidade dos candidatos. Estes traços fenotípicos e genotípicos não possibilitam formas de controle para candidatos quando são realizados testes qualitativos empíricos. A personalidade representa traço singular que serve para distinguir as pessoas.

Muitas vezes candidatos altamente capacitados podem possuir falta de personalidade para trabalhar em equipe, dependendo da demanda do empregador. Cargos altamente renumerados demandam este atributo consideravelmente.

Recrutadores realizam exames inclusive com expressão corporal para idealizar psicodiagnósticos qualitativos que devem ser pensados com extremo cuidado. Recrutadores podem escolher candidatos errados quando traçam perfis psicológicos minimamente errados. Apercepção Temática e Teste da Árvore de Koch são duas baterias usadas com veemência nas entrevistas de emprego em todo planeta.

Algumas vezes podem ser realizados testes específicos com incumbência principal de determinar traços ou aspectos medidos como indispensáveis pela empresa: Motivação, pressão, frustrações, equilíbrio emocional, entre outros aspectos. 

Especialistas indicam que estes exames sejam realizados por profissionais que possuem conhecimentos específicos de psicologia e recrutamento. Somente este nível de informação acadêmica pode evidenciar resultados legítimos.

Técnicas de Simulação: Normalmente acontecem em grupo, onde candidatos precisam simular cenas relacionadas ou não explicitamente com atividades do itinerário. Conta com metodologia exclusivamente verbal e corporal. No palco, candidatos simulam cenas para outros ouvintes como: Concorrentes, recrutador, psicólogo ou outros diretores e gerentes que representam a empresa.

Existem simulações onde a plateia pode intervir na participação da cena. Recrutadores realizam perguntas durante a dramatização. Na prática, as técnicas empregadas estão intimamente relacionadas com as ações das dinâmicas de grupo.

Cargos que demandam forte relacionamento interpessoal demandam de candidatos analisados por simulação. Com estas técnicas em prática, existe menos chance de existir erro nas contratações formais. Atualmente está muito cara a manutenção de funcionários com carteira registrada. Erros em contratações podem prejudicar explicitamente o fluxo de caixa das organizações.

Interessante notar que candidatos também analisam com mais qualidade suas reais aptidões para assumir cargo. Atributos que estão em baixa podem ser evidenciados e concorrentes podem se preparar melhor para assumir o posto de trabalho que realmente deseja. Na prática, testes de personalidade e simulação são interessantes para todas as partes.

Leia mais:
Como se comportar em testes psicológicos?
Como se apresentar numa entrevista de emprego?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…