Home Dicas para o trabalhador Trabalhar com parentes: prós e contras

Trabalhar com parentes: prós e contras

5 min read
0
Parentes que trabalham juntos
Parentes trabalhando na misma empresa

Não raro encontramos exemplos de profissionais com algum grau de parentesco trabalhando juntos ou próximos. Isso ocorre principalmente por dois motivos: a existência de inúmeras empresas pequenas e que dependem de uma dinâmica familiar; e o processo de indicação de conhecidos, tão comum em qualquer lugar e que tende a favorecer pessoas conhecidas e de confiança, como parentes, por exemplo. No entanto, trabalhar com parentes não é tarefa fácil. Muitas vezes as relações profissionais e pessoais podem se confundir e se transformar em um grande problema. A principal características desses problemas é que normalmente extrapolam a esfera da vida profissional e chegam à vida pessoal, e vice e versa. Esse artigo trará dicas de como evitar tais problemas e como agir em locais de trabalho onde há a presença de pessoas com grau de parentesco.

Como já dito anteriormente existem duas possibilidades de parentes trabalhando juntos. A primeira e talvez mais comum delas corresponde a situação em que alguém da família é o proprietário do negócio e traz seus parentes para atuarem na empresa. Nessa situação os problemas podem surgir por diferentes motivos, seja por desentendimento em algum procedimento no trabalho que acaba sendo transportado para a vida pessoal e familiar, como também problemas familiares e pessoais que são transportados para a esfera do trabalho. Uma forma de evitar tais situações é ter clara a sua função dentro da empresa, não é porque você é da família do “dono” que pode ter mais regalias ou mais funções que os demais funcionários, parentes ou não. Dentro da empresa cada qual recebe um salário equivalente a uma função e tal função deve ser respeitada.

Vale a pena ressaltar a dica também de evitar levar assuntos do trabalho, e assim também os problemas, para os momentos de convívio familiar. Mesmo entre grupos de amigos que trabalham juntos, quando saem do local de trabalho é bastante chato se o único assunto que conversam é sobre o trabalho, no caso de familiares esse problema tende a se agravar e deve ser evitado. Isso porque em ambientes diferentes do local de trabalho alguns incômodos são lembrados e tornam-se maiores, discussões mais acaloradas podem ocorrer e isso é bastante negativo. Saber separar o ambiente de trabalho da vida pessoal, em todos os níveis e em qualquer situação é sempre muito positivo.

Contudo há ainda uma situação, que pode se mostrar ainda mais complicada que é quando parentes trabalham juntos sem que nenhum deles seja o proprietário da empresa. Nesses casos o agravante é que qualquer relação pessoal, seja desentendimento ou favorecimento, não deverá ser bem aceito pelos superiores na empresa e poderá gerar inclusive demissões. Nesses casos, assim como em qualquer situação em que as relações pessoais confundem-se com as profissionais todo o cuidado é pouco, e a atenção deve ser especial para não misturar as duas esferas da vida.

Foto: emprendedor-virtual.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Saiba mais sobre franquias virtuais

As franquias virtuais, ainda não muito conhecidas no Brasil são uma forma cada vez mais po…