Home Direito Abono Salarial 2012

Abono Salarial 2012

4 min read
0
A data para realizar o saque do Abono Salarial 2012 expirou
A data para realizar o saque do Abono Salarial 2012 expirou

O Abono Salarial 2011 foi sacado por 93,6% das pessoas beneficiadas pelo benefício. Além de receber menos de dois salários mínimos, existem outras prerrogativas na lei que ditam as regras da permissão para ser beneficiado. A manutenção dos postos de trabalho explicitada com o crescimento do emprego faz os governantes gastarem mais dinheiro este ano para sanar os déficits da obrigação trabalhista. Dia 29/06 expirou a data para realizar o saque do Abono Salarial 2012.

Quem tem direito ao Abono Salarial? (04 regras)

  • Cadastrados no PIS/PASEP com mínimo de cinco anos
  • Quem recebeu como remuneração máxima dois salários mínimos. Quantia válida no ano base referente à data de atribuição do abono
  • Trabalhador que atuou durante pelo menos um mês, independente se consecutivo ou não
  • Dados informados de forma correta ao RAIS (Relação Anual de Informações Anuais)

Quem não tem direito ao Abono Salarial?

  • Trabalhadores com vínculos a empregador pessoa física, em áreas urbanas e rurais
  • Diretores sem vínculo trabalhista formal
  • Menores aprendizes
  • Empregados domésticos

Até o dia 20/06 existiam aproximados um milhão de trabalhadores que não realizaram o saque do benefício equivalente ao valor do salário mínimo (R$ 622). Ao todo são quase 20,5 milhões de trabalhadores possuem direito ao abono salarial em terras nacionais.

Com o tempo oficial inspirado a quantia volta ao FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), segundo determina o conjunto de leis trabalhistas relacionadas com a tematização.

De acordo com o Banco do Brasil e Caixa Econômica os benefícios pagos atingiram a faixa dos R$ 10,5 bilhões, representando taxa de cobertura equivalente a 94,6%. O número já estava maior do que o índice do ano passado que cobriu 93,4% dos trabalhadores com direito ao benefício.

Divisões por regiões: A maioria dos benefícios pagos foi à região Sudeste, portadora da maior força de trabalho formal de todo hemisfério nacional. Para região estão previstos pagamentos de quase R$ 9.722 milhões.

A segunda posição ficou por conta da região Sul, que por outro lado ficou na liderança dentro dos índices de coberturas antes do prazo final ter expirado de forma oficial, com quase a totalidade de saques dos beneficiários. Dos 3.655.526 que tem direito, aproximados 3.506 milhões tinham sacado a quantia: 95,9% da taxa de cobertura.

A região Nordeste até a metade de junho contava com 4.385.008 trabalhadores com direito ao benefício, sendo que 4.180.561 tinham sacado o benefício.

O Norte trouxe 1.967.583 saques. Centro-Oeste traz 1.431.259 em abril e 1.551.481 no mês seguinte os trabalhadores beneficiados.

Foto: felipemakeup.blogspot.com.es

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…