Home Profissões Como ser um piloto de avião? Guia de profissões

Como ser um piloto de avião? Guia de profissões

5 min read
0
Seja um piloto de avião

Muitos ambicionam esta atividade profissional. Alguns almejam altos salários oferecidos, mas quase todos exercem a profissão por amor. Estar no ar, acima de todo ciclo terrestre, acaba sendo atividade inspiradora para diversas pessoas. Entretanto, dedicação deve sempre ser empregada ao máximo nos estudos conceituais e técnicos para exercer esta atividade qualificadamente. Conheça algumas dicas para trabalhar como Piloto de Avião.

Perfil profissional!

  • Responsabilidade
  • Disciplina
  • Concentração
  • Paciência
  • Compromisso ético
  • Inteligência Emocional
  • Controle Emocional
  • Trabalho “sobre” pressão
  • Itinerário em equipe
  • Raciocínio Espacial
  • Agilidade
  • Dinamismo
  • Procedimentos!

Piloto de Avião possui como característica básica perícia na condução de aeronaves de forma precisa e segura. Com diversas invenções tecnológicas existentes no atual mundo globalizado, este tipo profissional necessita estar sempre atualizado sobre as últimas novidades da aviação. Hoje em dia, pilotos são vistos mais como supervisores de problemas do que apenas piloto de aviões. Programa diversos computadores, determinando e monitorando parâmetros pré-indicados por estudos prévios. Clique aqui e acompanhe o Guia de Profissões.

No mercado de trabalho da aviação existem quatro esferas principais.

  • Piloto Privado: Também considerada pilotagem desportiva. Sendo obrigatório estar formado pelo menos no Ensino Fundamental para entrar no curso de Piloto Privado onde se deve acumular ao menos 35h de voo no período de dois anos. Alunos com mais de 17 anos e diploma escolar concluído já podem realizar inscrições. Contudo, a licença somente será concedida quando os mesmos estiverem com 18 anos ou mais. Vale ressaltar que depois da primeira bateira de voos devem ser realizadas algumas horas também no setor Comercial para conseguir a licença desportiva definitiva.
  • Piloto Comercial: Necessário Ensino Médio completo. Alguns centros universitários já trazem curso de Ciências Aeronáuticas, com ênfase em aeronaves comerciais. Entretanto, é necessário curso de pilotagem comercial credenciado pelo DAC (Departamento de Aviação Civil) que deve agregar no mínimo 150h de voo. Este curso possui duração de 3 a 4 anos, conforme a disponibilidade de tempo dos alunos para realizar voos. Além disso, fluência na língua inglesa e disposição para realizar pelo menos um exame médico por ano no intuito de comprovar sua legítima condição física para novos trabalhos são atributos indispensáveis nesta carreira.
  •  Piloto Militar: Necessário ingressar na Escola Preparatória de Cadetes no Ar (EPCaR). A prova para o concurso deve ser realiza logo ao término do Ensino Fundamental. Candidatos que estejam concluindo os colegiais do Médio podem ingressar na Academia da Força Aérea.
  • Piloto de Linha Aérea: Cargo com maior renumeração. São necessárias 1.500h como Piloto no comando. Licença concedida pela ANAC (Agência de Aviação Civil), logo após serem realizadas diversas baterias de exames teóricos e práticos. Pessoas detentoras deste alvará podem assumir o posto de primeiro ou segundo piloto de aeronaves.

Foto: moodboard

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…