Home Primeiro emprego Dicas de como conseguir o primeiro emprego.

Dicas de como conseguir o primeiro emprego.

4 min read
0

Quem já passou por essa situação sabe como ela pode ser angustiante, mas o que importa é estar preparado para assumir um novo emprego. Infelizmente, concluir a faculdade sem estar empregado na área estudada é uma realidade na vida de uma parte significativa dos recém-formados.

Como conseguir o primeiro emprego!

Os motivos são vários: ter estagiado numa empresa pública, cuja admissão só é possível por meio de concurso, a empresa não dispõe de uma vaga ou não deseja contratar nenhum funcionário no momento, não ter tido a oportunidade de estagiar na área etc.

Enfim, independente do motivo, não se pode negar que esse é um momento em que o recém-formado chega a se sentir abandonado, sem nenhuma perspectiva futura de recolocação no mercado de trabalho.

Por mais difícil que essa situação possa ser, existem alguns pontos que devem ser levados em conta e que ajudam a diminuir, e muito, a ansiedade para ocupar novamente um lugar no mundo corporativo:

Se você possui alguma experiência na área, já é uma vantagem, e isso não se refere apenas aos estágios, que já contam como um ponto extra. Claro que sempre é melhor ter uma vivência mais in loco na profissão, porém existem outras formas de obter experiência.

Participar de atividades experimentais oferecidas pela faculdade é um ótimo começo. Por mais que se esteja no ambiente acadêmico, uma hora você terá que assumir responsabilidades e cumprir funções relativas com a sua futura área de atuação.

Caso você não possua, o que pode oferecer para a empresa? Se por algum motivo você perceber que dificilmente conseguirá participar das atividades promovidas pela instituição de ensino ou realizar um estágio no curso que se estudava, é necessário ter consciência de que esse fator uma hora ou outra pode complicar a sua contratação e se preparar para combatê-lo.

Como? Desenvolvendo outras habilidades que são pré-requisitos na sua profissão. Seja fazendo cursos de aperfeiçoamento, melhorando a sua proficiência em algum idioma, lendo livros que falem sobre o dia a dia do seu trabalho ou participando de cursos, seminários e palestras.

O importante é ter, no momento em que participar de uma entrevista de empregos, argumentos que possam convencer o recrutador que o fato de não possuir experiência prática foi algo que independeu da sua vontade e que, apesar disso, você não deixou se preparar.

E, por último, reflita: essa é mesmo a carreira que desejo seguir? Não é raro concluir um curso só pela sensação de “missão cumprida”. Sempre é tempo de repensar as nossas escolhas, nada é definitivo e opções é o que não faltam!

Veja também como está o mercado de trabalho e a geração de emprego no Brasil em 2012.

Leia Mais:

Estou formado, e agora?

Foto: Chat Roberts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Quer se tornar um trabalhador temporário?

Mesmo que adotado por um número pequeno de pessoas no Brasil, o trabalho temporário é uma …