Home Profissões Guia de profissões: O que faz um historiador?

Guia de profissões: O que faz um historiador?

4 min read
0
O que faz um historiador

Nenhum país pode possuir cultura sem ter memória. O historiador como incumbência relembrar, apurar e criticar fatos sociais ocorridos no passado para que o presente seja compreendido de forma mais cristalina, obtendo-se assim alguma perspectiva verdadeira sobre o futuro. São cruciais às sociedades em diversos setores. A própria compreensão da condição humana está dependente de suas análises carregadas das mais variadas doutrinas. Conheça o que faz um historiador e entenda se este é o melhor trabalho para sua vida profissional.

Este profissional estuda todo passado da humanidade nos mais diversos segmentos. Deve pesquisar documentos com veemência, normalmente medidos como artefatos. Manuscritos, gnósticos, jornais, objetos dos mais variados valor, entre outros elementos cruciais para compreensão dos acontecimentos gerais. Profissão indicada para os leitores assíduos.

Mercado profissional: O título de professor possui maior demanda, principalmente nas escolas da rede pública de ensino. Vale ressaltar que norte e centro oeste do país estão com alta demanda para historiadores que ensinam, entretanto a região sudeste ainda está na liderança do ranking das contratações.

Vale ressaltar que estão surgindo diversos campos de atuação para estes profissionais, principalmente dentro de empresas como documentaristas, ou mesmo nos cinemas como diretores ou roteiristas, justamente por possuírem maior sensibilidade para entender a realidade da sociedade.

Reconhecimento legal: Ao contrário do que acontece em grande parte dos países de primeiro mundo a profissão de historiador é reconhecida há muito pouco tempo no país. O projeto de Lei n°368 de 2009 regulamenta este cargo, onde somente os portadores de diploma expedido por escolas de nível superior podem exercer esta atividade.

Quem aprovou esta medida foi a CAS (Comissão de Assuntos Sociais do Senado). Basta apenas o congresso nacional aprovar para que este trabalho possa ser incluso em vagas oriundas de concursos públicos. Os profissionais podem atuar desde áreas administrativas como de aconselhamentos relacionados com patrimônios do país.

Renumeração: Segundo o Sindicato dos Professores de São Paulo os salários iniciais estão equivalentes a R$ 950 mensais.

Conteúdo programático: Normalmente os cursos reconhecidos pelo MEC possuem quatro anos de duração. Os graduandos aprendem fatos históricos ocorridos em diversos períodos do mundo sob o olhar de diversos tipos de autores com opiniões conservadoras, liberais, extremistas, capitalistas, marxistas, democráticas, entre outras linhas de pensamentos doutrinários.

Algumas ciências humanas também são abordas em qualquer grade acadêmica. Antropologia, sociologia e geografia. Vale ressaltar que alunos devem assistir diversos seminários sobre temas variados. TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) e estágio são obrigatórios para conquistar o diploma.

Confira aqui concursos públicos.

Fonte: Historiaegenealogia.com
Foto: RoyMcMahon no Corbis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…