Home Mercado de trabalho MERCOSUL e formação profissional

MERCOSUL e formação profissional

4 min read
0
Reunião do Observatório do Mercado de Trabalho do MERCOSUL
Reunião do Observatório do Mercado de Trabalho do MERCOSUL
Seminário Regional sobre Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e a 8ª Reunião do Observatório do Mercado de Trabalho do MERCOSUL discutem a livre circulação do trabalho entre os residentes dos países compostos no Bloco. Entre os destaques da reunião vale considerar a área de transportes de mercadorias. Em épocas de crise mundial, nações da América do Sul se unem para facilitar as exportações e auxiliar na economia de maneira conjunta.

Durante os encontros foram debatidos planos com objetivo de implantação regional no sentido de tornar fácil a movimentação da força de trabalho entre os países. Interessante notar que também foram demonstrados aos convidados os resultados conquistados pela Escola Virtual do MERCOSUL, portal que oferece cursos à distância para diferentes tipos de áreas acadêmicas.

Outro foco que esteve em pauta nos encontros foi às discussões relacionadas com a migração e o trabalho infantil. Anunciada a criação do plano regional para prevenir e erradicar o trabalho ilegal de crianças e adolescentes. Participantes dos países apresentaram os resultados positivos e as propostas para encaminhamento das questões legislativas.

Mercado de Trabalho no MERCOSUL: Porto Alegre  

Entre os dias 25 de 30 de novembro foram realizadas, no Hotel Embaixador, reuniões do ciclo dos Órgãos SOCIOLABORAIS do MERCOSUL. Participaram do encontro cinco países distintos: Brasil, Uruguai, Argentina Paraguai e Venezuela. Diversos pontos importantes foram discutidos, tais como:

  • Trabalho infantil
  • Inspeção do trabalho
  • Formação
  • Certificação Profissional
  • Livre circulação de trabalhadores

Na reunião aconteceu também a II Conferência Regional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil do MERCOSUL, plano que vai auxiliar a cidade de Porto Alegre com maior infraestrutura para combater o trabalho ilegal na cidade, visando o estado de erradicação.

Não se pode ignorar a importância do VIII Reunião do Observatório do Mercado de Trabalho do MERCOSUL, momento no qual foram apresentados resultados relacionados com estudos feitos pelos países do bloco.

Em um dos últimos dias aconteceu à esperada reunião do SGT 10, grupo ligado ao MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) que trata de assuntos relacionados com inspeção de trabalho. No último dia aconteceu o encontro dos ministros do trabalho, que contou com a presença de ilustres, tais como:

  • Ministro do Trabalho e Emprego do Brasil: Brizola Neto
  • Ministro do Trabalho, Emprego e Seguridade Social da Argentina: Carlos Tomada
  • Ministro de Trabalho e Seguridade Social do Uruguai: Eduardo Brenta Badano
  • Ministra da Justiça e Trabalho do Paraguai: Maria Lorena Azucan
  • Ministra do Poder Popular para o Trabalho e Seguridade Social da Venezuela: Maria Cristina Iglesias

Foto: isape.wordpress.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Despedidos sem justa causa e combate ao trabalho infantil

A Convenção n. 158 da Organização Internacional do Trabalho afirma que um funcionário R…