Home Formação Vida de Trainee

Vida de Trainee

5 min read
0
Confira dicas para ser trainee

Um dos primeiros conselhos que se ouve ao entrar na faculdade é: procure um estágio, o mais rápido possível. Dica extremamente útil: através do estágio entramos em contato com o dia a dia da nossa profissão (que, na maioria das vezes é bem diferente do que se aprende na sala de aula), aprendemos os macetes e passamos a desenvolver um networking, algo muito importante nos dias de hoje.

Porém, as empresas têm percebido que só o estágio pode não ser o suficiente: por mais que o  jovem esteja envolvido com a dinâmica da sua profissão, a mudança de “status” sempre ocorre: não é apenas o número de horas trabalhadas que aumenta, mas sim as responsabilidades e tarefas. Além disso, muitos desses ex-universitários acham que já não possuem o direito de cometer erros, o que pode via a causar grandes crises de stress.

Como uma medida para tentar amenizar esse “efeito colateral”, a função de trainee ganha cada vez mais importância no quadro das empresas.

 Como o próprio nome já diz, trainee é um cargo onde a evolução do profissional é incentivada: ele recebe orientação de um funcionário mais experiente, que o auxilia a compreender como a empresa funciona. Normalmente esse cargo é destinado a ex-universitários com até dois anos de formação e costuma durar entre um e três anos,

No Brasil, os trainees são preparados para cargos de liderança, onde é necessário gerenciar os talentos de cada indivíduo da equipe. Para isso, eles recebem treinamento voltado para o desenvolvimento de uma mentalidade de liderança e participa de  cursos voltados à gestão de sua carreira, conhecimento de processos de uma ou mais áreas da empresa (mesmo que totalmente diferente da sua área de formação) e à gerência de pessoas.

As vantagens desse cargo são inúmeras: apesar de estar em aprendizado, o profissional possui os mesmos direitos que um empregado “normal”, como FGTS, seguro desemprego, INSS etc. E, ao término do curso, o funcionário geralmente ocupa um cargo mais alto e com melhor remuneração se comparado a um funcionário semelhante que não tenha participado desse processo.

Para conseguir pleitear uma vaga dessas o jovem deve mostrar que possui todas as qualificações necessárias e que está profissionalmente preparado para assumir as responsabilidades que depois recairão sobre suas costas. Logo, um currículo consistente, fluência na língua inglesa e domínio de um segundo idioma são requisitos geralmente exigidos para a vaga de trainee.

Existem diversos sites que anunciam  esse tipo de vagas, como este, Vagas.com ou o Cia de Talentos, que divulgam oportunidades para essa área. Existem também o MyTrainee, um portal dedicado exclusivamente à divulgação e discussão dos principais processos seletivos.

Veja também: Quer ser trainee? Veja algumas dicas que podem facilitar o seu caminho.

Foto: NashvilleCorps no Flickr

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Check Also

Quer se tornar um trabalhador temporário?

Mesmo que adotado por um número pequeno de pessoas no Brasil, o trabalho temporário é uma …